Buscando o primeiro objetivo neste sábado

Postado em 23/09/2022
Carlos Pimentel espera atingir a primeira meta neste sábado.

Desde que o Campeonato Brasileiro Série B chegou na metade do 2º turno, os jogos com os clubes que estão na parte debaixo da tabela começaram a ficar mais acirrados e disputados. Tanto que depois de duas vitórias seguidas, o Ituano teve sua sequência positiva quebrada por duas equipes que estão no Z4. “Nós tivemos esta experiência recentemente. Com o Náutico em Recife e o Operário aqui. São times que estão dando a vida e a morte nestas rodadas. Eu falei para os jogadores no vestiário que nós não estamos dando a vida, e sim, valorizando a vida. Este jogo para o Ituano que nós temos que impor o nosso mando de campo. A nossa proposta para a partida. E a nossa vontade não pode ser de maneira alguma menor que a do adversário. O Brusque chega com o peso da tabela nas costas e aquela inquietude que este jogo trás, porque eles precisam dos pontos. Nós treinamos no horário do jogo deste sábado, para que ocorra a favor e possamos alcançar a vitória” comentou o técnico Carlos Pimentel que neste sábado enfrenta o Brusque que está no Z4. “Trabalhamos nesta semana com um espaço reduzido porque provavelmente eles venham bem fechadinhos procurando um jogo reativo. Eles fizeram isso com o Náutico recentemente. O Brusque tem variado muito sua estrutura tática. Sabemos que o Gilson Kleina tem uma proposta de jogo definida. Mas eles têm variado as peças e a própria estrutura nos últimos quatro jogos. O Ituano tem que se preocupar consigo próprio. Temos uma maneira de jogar e nossa proposta, que não abro mão” afirmou Pimentel.

Com praticamente todos atletas à disposição, Carlos Pimentel deve seguir sua filosofia. Desde que assumiu o Ituano, não repetiu nenhuma vez a escalação. “Nós sempre falamos para eles que quem se escala são os próprios jogadores. E o treinamento da semana. Sou muito sensível ao que vejo durante os treinos. Não sou aquele tipo de treinador que entende que o treino é uma coisa, o jogo é outra. Muito pelo contrário. O jogo é construído com uma boa semana de trabalho, com uma metodologia correta e com uma intensidade ideal. O rodar o elenco por vezes é por causa dos três jogos na semana, a ideia é trazer energia para o time. Evidentemente quando mais você gira, mas competição específica você proporciona. Com isso você gere melhor também seu elenco. Todos sabem que não há carta marcada. Aqui é meritocracia” explicou Pimentel que poderá atingir o primeiro objetivo do time na competição neste sábado. “Os institutos de estatísticas mostram que na Série B que com 44 pontos e 11 vitórias nunca nenhum clube caiu. O primeiro critério de desempate é o número de vitórias. Por isso, nossa meta é fazer os três pontos neste sábado, atingindo também 11 vitórias. O Ituano olha para o jogo contra o Brusque para somar os três pontos. Quanto ao futuro é continuar o processo de construção. Lá dentro do vestiário todos sabem, após atingir os 44 pontos e nossa primeira meta, é buscar o melhor aproveitamento da Série B. Afinal, há muito tempo o Ituano não participava. Por exemplo, o segundo objetivo é ser o melhor clube paulista na Série B 22. Essa é nossa próxima meta”. No momento o Ituano é o melhor clube paulista. Está na 7ª posição com 41 pontos e 10 vitórias. Tem um ponto a mais que a Ponte Preta.

Acaz Fellegger

Jornalista Mtb 19.426 SP

Miguel Schincariol

Fotografia

Fotografia

23/setembro

Patrocinadores:
Parceiros:
COPYRIGHT © 2022 - ITUANO FUTEBOL CLUBE. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.