Com gol de Aylon, Ituano iguala marca de 2015

Postado em 28/09/2022

Com o gol de Aylon marcado na vitória por 2x0 contra o Brusque, o Ituano chegou a marca de 59 gols na temporada. Igualou a temporada de 2015 quando o clube disputou a Copa do Brasil chegando às 8as de final e foi vice na Copa Paulista. Naquele ano a média foi de 1,37 em 43 jogos disputados. Nesta atual temporada a média é de 1,28 em 46 jogos entre Paulista e Série B. A diferença é que neste ano os dois artilheiros marcaram 23 gols. Rafael Elias fez 15 e Aylon fez 8 gols. Em 2015 a dupla Ronaldo (9) e Marcão (8) marcou 17 gols. Aylon chega a 8 gols mesmo ficando mais de dois meses sem marcar. “Para mim é indiferente. O importante é o trabalho que vem sendo feito. Não somente na Série B, mas durante o ano. Depois do Papagaio eu sou o atacante que mais fez gols. É gratificante pelo trabalho que venho fazendo no clube. Apesar do tempo que fiquei sem marcar gols. Quase dois meses. Agora consegui ajudar e vamos procurar manter a boa fase do Ituano, independente de quem esteja marcando os gols” explicou Aylon que tem razão. Neste período em jejum ele fez duas assistências. Contra o Criciúma no turno, e na recente vitória contra o CSA em Maceió. “Não me incomodou, O time estava em fase boa. Neste período que não fiz o gol, eu joguei em pró do time. Aqui todos vão se ajudando. E os gols não faltaram para o time. Depois, quando o Papagaio saiu, chegou o Brenner que fez gols. Quem vem entrando tem feito gols. Eu antes não fiz gol durante um tempo, mas fiz assistências. Então em nenhum momento atrapalhou” afirmou este atacante de 29 anos.

Aylon chegou com um dos reforços da temporada. Logo na estreia do Paulista, marcou o primeiro gol do Ituano em 2022. E ajudou na classificação para as 4as de final e conquista do Troféu do Interior. Com a mesma determinação, viu o Ituano fazer uma campanha de recuperação na Série B. Mesmo com a primeira meta atingida, Aylon fala em manter a mesma filosofia. “Vamos continuar fazendo o que estamos fazendo. Não podemos nos acomodar. Manter os pés no chão. E não achar que o campeonato acabou. Ainda brigamos por outras metas na competição. Nosso elenco é experiente, tem bastante jogadores que jogaram esta competição. Então a gente sabe que temos que ir passo a passo, jogo a jogo. Quando estávamos lá atrás não perdemos o foco. Agora temos o CRB e vamos buscar mais três pontos e manter o mesmo pensamento” comentou este gaúcho de Esteio que já disputou algumas Séries B. Com alegria e tristeza no final. “Já vi muita coisa na Série B. Já consegui acesso na última rodada. E também já perdi na última rodada. Teve um ano que eu com o Atlético Goianiense, empatamos em casa. E o último colocado, que era o São Bento ganhou do América fora de casa. No ano passado fizemos uma campanha de recuperação com o CSA e chegamos vivos na última rodada. Temos que baixar esta diferença que hoje é de 4 pontos. Nas últimas duas rodadas teremos confrontos diretos contra eles e sabemos que tudo pode acontecer”. Os gols e bons resultados são os esteios desta boa campanha do Ituano nesta temporada.

Acaz Fellegger

Jornalista Mtb 19.426 SP

Paulo Pinto

Fotografia

28/setembro

Patrocinadores:
Parceiros:
COPYRIGHT © 2022 - ITUANO FUTEBOL CLUBE. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.